Banner Topo

Página inicial Home

Área do Associado            

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Fique informado sobre as regras do SAC

Publicado em: Segunda, 07 de Agosto de 2017

O Decreto nº 6523/2008 deve ser aplicado aos canais de atendimento de setores regulados pelo Governo Federal

Foto: Reprodução/InternetMuitas pessoas não sabem, mas para o uso dos Serviços de Atendimento ao Consumidor, famoso “SAC”, existem algumas normas que não são divulgadas para os principais interessados, os consumidores. E, principalmente, tem um Decreto de nº 6523 de 2008 que regulamenta esse serviço e traz uma série de regras que devem ser aplicadas.

Segundo a advogada da Adeccon, Lorena Grinberg, o SAC tem como objetivo realizar ações operacionais e corretivas de maneira ágil e prática para o consumidor, conseguindo assim captar de forma eficaz as necessidades do consumidor.

O Decreto nº 6523/2008 deve ser aplicado aos canais de atendimento de setores regulados pelo Governo Federal como os de telefonia, plano de saúde, serviços bancários e aviação civil. Lembrando que as regras são concentradas em atendimento telefônico e nos serviços de sugestão, informação, reclamação, dúvida, suspensão e cancelamento de contratos e serviços.

Deve-se ressaltar que a ligação para o SAC tem que ser gratuita e com disponibilidade de 24 horas por dia, nos 7 dias da semana, sendo a chamada atendida em até 45 segundos para as instituições financeiras e para as demais em até 60 segundos. O contato com o atendente, as reclamações e cancelamentos devem ser oferecidos logo no início da ligação.

A empresa prestadora de serviço tem o prazo de 5 dias úteis contados do registro da ligação, para responder a chamada do consumidor. Todas as chamadas devem ficar gravadas por no mínimo 90 dias, assim como o registro eletrônico do atendimento por 2 anos, lembrando que o consumidor pode solicitar sempre que achar necessário.

“Caso sua solicitação não tenha sido atendida pela empresa, procure os órgãos de defesa do consumidor, o Ministério Público, as ouvidorias e até mesmo as agências reguladoras que fiscalizam o respectivo serviço e realize a sua denúncia”, destaca Lorena Grinberg.

Fonte: Assessoria de Imprensa ADECCON


Foto: Reprodução/Internet
Foto: Reprodução/Internet



           

Enviar para um amigo

Seu nome:

Seu E-mail:


Nome do amigo:

E-mail do amigo:

FNECDC

Linha Grossa

Tarja Coluna

Linha Fina

Lorena Grinberg
CUIDADOS COM AS COMPRAS COLETIVAS


Linha Grossa

Tarja Coluna

Linha Fina

José Carlos Barbosa
Sem o videogame, mas com a alma lavada


Linha Grossa

TV ADECCON

DIREITO DO CONSUMIDOR INADIMPLENTE

Linha Grossa

NEWSLETTER

Preencha os campos abaixo para ficar sempre informado sobre nossas novidades.

Nome:

E-mail:

Linha Grossa

Tarja Coluna

Você já foi vítima de cobrança abusiva pelas operadoras de telefonia celular?

Sim

Não

Rua do Riachuelo, 105 - Sala: 219 - Ed. Círculo Católico - Boa Vista, Recife-PE | Fone: (81) 3222.6066 / 3034.6056
Copyright © 2006 - ADECCON. Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Artini Lemos